TRÁFEGO ONLINE: O SANGUE NAS VEIAS DO SEU NEGÓCIO

Costumamos dizer que o tráfego online é o sangue nas veias da atuação digital. Sem ele, seu negócio morre. Ok, olhando assim parece meio exagerado ou até dramático. E é! Já pensou numa loja física sem clientes comprando? Ou num restaurante sem um gato pingado pra consumir? Então, você precisa que as pessoas conheçam e – principalmente – se interessem pelo seu negócio.

“Uma estratégia baseada na verdade, é sempre poderosa.”

Flávio Augusto – Geração de Valor
Tráfego

Agora vamos transportar isso tudo pro digital. Não adianta somente criar websites e páginas em redes sociais se as pessoas não os conhecerem. Por isso o tráfego online é tão importante. Mas como fazer com que seus seguidores ou mesmo outras pessoas que estão navegando pela internet cheguem até o seu negócio? Vamos explicar um pouco mais sobre os principais meios para se obter esse tráfego online.

Tráfego Orgânico (buscadores):

Essa é a mais natural forma de se obter tráfego online: indiretamente. Ou seja, as pessoas que chegam até o seu negócio, através de buscas ou até mesmo conteúdos relevantes publicados por outros sites e redes sociais. “Ah então se é indireto eu nem preciso me preocupar, só esperar a galera chegar?!” Claro que não, para que isso aconteça seu site tem que estar plenamente estruturado, totalmente otimizado para motores de buscas (Google né, a gente sabe que se alguém quiser utilizar outro, não vai nos interessar) e com conteúdos interessantes.

Para chegar a este nível, demora um certo tempo e é fundamental aplicar técnicas de SEO (Search Engine Optimization) desde a criação do site. Só assim seu negócio vai aparecer entre os primeiros quando as pessoas buscarem assuntos ligados a ele. Para saber mais sobre SEO, confira nosso post no Instagram:

https://www.instagram.com/p/CAp8U1qCdeS

Tráfego Social (orgânico):

Nada mais é que a ação de levar seu seguidor/curtidor até o seu site através de um post com link. Quando citamos que ele é orgânico, é porque não se tem gastos diretos com estas ferramentas. No entanto, para se publicar conteúdos atrativos e gerenciar bem suas redes sociais, você terá que investir tempo, dinheiro e/ou contratar bons profissionais para executarem estas ações.

Para isso, destaca-se as ações relacionadas a Marketing de Conteúdo. Falamos bastante sobre isso em outro post, que certamente será relevante para você. Confira!

Tráfego Pago

Agora chegamos à cereja do bolo. O investimento em tráfego online pago é essencial ao seu negócio. Trata-se da publicidade online feita por meio de campanhas com links patrocinados, que são anúncios criados e disponibilizados em plataformas digitais como o Google Ads (Confira nosso passo a passo AQUI), Facebook Ads (que também gerencia o Instagram), Youtube, LinkedIn, entre outros.

Estes formatos de anúncios são diversos e oferecem inúmeras opções de investimento. Partindo de míseros R$ 10 você consegue iniciar campanhas de reconhecimento de público e geração de tráfego que podem o conduzir ao seu principal objetivo: conversão em vendas. Se você já conhece o seu público, tem uma lista de clientes ou até já sabe para quem vende seus produtos, pode até mesmo iniciar direcionando seus anúncios para perfis semelhantes aos seus clientes existentes.

O que escolher? Todas!

Já perceberam que cada tipo de tráfego se propõe a um fim, né? Então, se você entende que o seu negócio pode ser levado para o digital, ou já tem site e redes sociais mas precisa dar um up nas vendas, esse assunto deve estar presente em TODAS as suas reuniões.

Seja qual for a sua escolha para gerar tráfego para o seu negócio, é importante que tudo seja muito bem planejado e com total domínio dos mecanismos utilizados para alcançar seu objetivo. Para definir a melhor estratégia, é fundamental designar um profissional da empresa ou mesmo uma agência terceirizada.

Pense nisso! Pensou? Então chama a gente no whats e bóra desenvolver isso tudo juntos!

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter

© Todos os direitos reservados. Desenvolvido com criatividade