FACEBOOK AUDIENCE INSIGHTS: CONHEÇA SEU PÚBLICO

Facebook Audience Insights é uma ferramenta poderosa e exclusiva da plataforma, que permite ao usuário conhecer cada vez melhor um público-alvo. Além disso, o Facebook Audience Insights é um aliado imprescindível para quem já tem ou está criando um novo negócio.

Se tem um tema dentro do Marketing Digital que nós da Gama repetimos bastante, este tema é o planejamento. Partindo deste preceito, organizar muito bem a forma como você se comunica é um passo que vai ditar se você terá sucesso ou fracasso. Sendo assim, antes mesmo de comunicar sua marca ao mercado, você precisa planejar cada passo deste processo. Para entender como isto tudo funciona, confira nosso texto completo, que mostra cada etapa:

Mas como exatamente isso se relaciona com o Audience Insights? Se o seu negócio é digital ou pretende ser, esta ferramenta vai te auxiliar muito a completar a 2ª etapa do Planejamento de Marketing, descrita no texto acima. Isto porque após ter a plena convicção de que você conhece tudo sobre seu negócio – POSICIONAMENTO – é o momento de identificar e validar seu público-alvo.

Saber quem é o seu público-alvo é uma etapa indispensável do seu planejamento. Através de pesquisas, você encontrará informações relacionadas ao seu comportamento de compra, hábitos de consumo, classe social, dados demográficos, condição socioeconômica e preferências. Ao passo que estas informações podem ser encontradas com parceiros comerciais como associações comerciais, sites de organizações públicas e, claro, no Audience Insights. Então, vamos a ele!

O que é o Facebook Audience Insights

A ferramenta Audience Insights é uma exclusividade do Facebook e tem como objetivo principal entregar dados detalhados sobre qualquer tipo de audiência nas redes sociais. Nesse sentido, qualquer usuário tem acesso a informações demográficas, geográficas, de consumo e de estilo de vida de seu público, além das páginas que curtem.

Qualquer usuário pode acessar essas informações, garantindo que toda pesquisa de público possa ser validada. Pegando um exemplo prático: se você quiser saber qual é o percentual de solteiros, torcedores do Internacional, moradores de Caxias do Sul, entre 18 e 34 anos, o Audience Insights vai te mostrar. Sabe como?

Confere na imagem abaixo, só uma amostra antes de você virar um expert na ferramenta:

Facebook Audience Insights: comparação para pesquisa específica
Na imagem à esquerda, a segmentação que nos indicou um público entre 35 e 40 mil pessoas, 38% é solteiros. Quando destacamos somente os solteiros (imagem à direita), o número cai para 10 a 15 mil pessoas, o que altera também os percentuais das faixas etárias.

Além de buscas específicas ou amplas de públicos em geral, outra ótima opção é reservada para quem gerencia páginas no Facebook com mais de mil seguidores/curtidores ativos. Os administradores destas páginas podem selecionar a pesquisa somente para o próprio público, qualificando as informações e compreendendo de forma muito mais correta. E lembrando que a plataforma considera como ativo os perfis que executaram alguma ação nos últimos 30 dias.

Na prática, como funciona Audience Insights?

O modo como o Facebook coleta os dados é simples: quando um perfil é criado, a plataforma oferece inúmeros campos a serem preenchidos, com informações tais como preferências, gostos pessoais, informações pessoais. Mesmo que você não seja aquele usuário assíduo, que coloca todas informações, no mínimo você informou data de nascimento, cidade onde mora, escolaridade e estado civil.

Com tudo isso bem distribuído num banco de dados, basta orientar o Facebook Audience Insights para a busca que melhor se encaixa nas suas intenções. Assim, no momento que você explorar e segmentar, seu público vai estar lá.

Agora que você já tem as noções básicas do que o Audience Insights pode te entregar, vamos afunilar estas informações. Em cima disso, levar você para a parte prática de pesquisa, mostrando cada ítem da ferramenta e te ensinando a extrair as melhores informações dela para a aplicação no seu negócio. Bora lá!?

Entendendo cada seção do Audience Insights

Para começar, onde fica esse Audience Insights? Ao acessar o seu Gerenciador de Negócios ou Gerenciador de Anúncios, dentro do Facebook, o Audience Insights estará em uma lista de ferramentas da seção “Análise e relatórios”. Ou então, se você quer pular essa parte e partir direto pra ela, basta acessar www.facebook.com/ads/audience-insights.

Mas lembre-se, para ter acesso, você precisa ter uma conta de anúncios ativa. Se ainda não tem, confira AQUI como fazer.

1) Página inicial

Como falamos lá no início do post, ao abrir o Facebook Audience Insights você deverá optar por qual tipo de busca irá fazer. Entre as opções estão “todos no Facebook”, que envolve todos dados da plataforma, ou “Pessoas conectadas à sua página”, onde estão segmentados os dados da página a qual você administra.

Primeira página ao abrir o Facebook Audience Insights.
Primeira página ao abrir o Facebook Audience Insights.

Para prosseguir, basta escolher uma delas e partir para sua busca. Nesse sentido, é importante salientar que essa escolha irá guiar sua primeira ação no Audience Insights, mas se você mudar de ideia, basta utilizar o campo “Pessoas conectadas a” no menu à esquerda. Ali você seleciona para qual página a pesquisa estará segmentada, e também desmarca as páginas para voltar à pesquisa ampla.

2) Segmentações básicas

No menu principal, à esquerda, você poderá fazer as primeiras segmentações da sua pesquisa. Confira na tabela abaixo todas as opções e suas vantagens.

LOCALIZAÇÃOSempre deverá ser a primeira segmentação feita para sua busca, já que a ferramenta já se inicia direcionada para os Estados Unidos. Você poderá segmentar por países, estados, cidades e regiões. Também poderá combinar mais de uma destas opções, desde façam parte da mesma região. Exemplo: ao selecionar “Rio Grande do Sul”, também posso adicionar outros estados ou segmentar diversas cidades gaúchas. Porém, não posso selecionar ao mesmo tempo “Rio Grande do Sul” e “Curitiba”.
IDADE E GÊNEROA identificação de gêneros poderá pautar suas publicações. Entre as idades, como esta ferramenta é otimizada para futuros anúncios, a idade mínima é 18 anos. Além disso, o Facebook trabalha com faixas etárias: 18-24, 25-34, 35-44, 45-54, 55-64, +65.
INTERESSESO grande diferencial da ferramenta. Para quem já faz anúncios no Facebook, as opções são bem familiares. São centenas de milhares de interesses, que inicialmente são divididos entre: comidas e bebidas, compras e moda, entretenimento, esportes e atividades, família e relacionamentos, hobbies, negócios e indústria, saúde e boa forma, tecnologia.
CONEXÕES (PÁGINAS)Você pode segmentar a pesquisa somente para sua página, ou então excluir da busca os dados sobre os seguidores da sua página. Ou até mesmo optar por desmarcar ambas as opções.
AVANÇADOSegmentação mais restrita ainda, que leva em conta: idioma, relacionamentos, educação, trabalho, segmentos de mercado (restrito aos EUA), pais (com filhos entre 0 e 26 anos), política (restrito aos EUA), acontecimentos (novo emprego, novo relacionamento, aniversário próximo).
Segmentação da segmentação

Mesmo sendo estas as segmentações básicas, nota-se que nem são tão básicas assim. Por isso, vamos aprofundar um pouco mais as duas seções mais abrangentes deste menu:

  • Interesses: como se vê na tabela, são inúmeras opções de interesses, e cada vez mais segmentados. Para determinar os interesses de cada pessoa, as métricas utilizadas pelo Facebook também são muito variadas. Porém, isso abrange todas ações que executamos dentro da plataforma, os grupos que entramos, os assuntos que comentamos, os temas postados, checkins realizados, entre outras ações. Exemplo: mantendo todas segmentações abertas, ao adicionar o interesse em “macarrão instantâneo”, a busca fica restrita a 15/20 milhões de pessoas em todo o mundo. E agora acabamos de descobrir que 63% destas pessoas são do sexo feminino!
Busca por macarrão instantâneo no Audience Insights
  • Avançado: esta segmentação minuciosa seria a cereja do bolo para todas as pesquisas de público. Porém, infelizmente no Brasil ela acaba não sendo muito precisa, pelo fato dos usuários darem muitas informações erradas, ou mesmo nem preencherem estes dados. Nem todo mundo informa acontecimentos pessoais com frequência. Além disso, inúmeras vezes já nos deparamos com um perfil onde o usuário informa que “Trabalhou na empresa: Advogado”. Ou seja, no lugar da instituição, foi informado uma profissão. Ou então quando é informado corretamente o nome da empresa onde trabalha, não encontra o melhor termo para indicar seu cargo. Imagine que perfeito seria para um negócio local, que vende roupas para bebês de 0 a 2 anos, anunciar somente para os pais de bebês nessa faixa etária. Porém, a busca acabaria encontrando somente 1 mil – 1,5 mil pessoas, número bem inferior ao que efetivamente existe na cidade e também baixíssimo para se fazer um anúncio.
pesquisa segmentada

3) Dados demográficos

Ao pré-definir as segmentações básicas, partimos para os números e como eles são distribuídos na busca. Começando com os dados demográficos, que já estão selecionados ao abrir a ferramenta. Ali são mostrados os principais dados relacionados à segmentação básica, feita na etapa anterior.

São estas as informações:

  • Tamanho do público pesquisado
  • Idade e gênero
  • Relacionamento
  • Nível educacional
  • Cargo

Confira as informações, agora segmentando um pouco mais aquela busca direcionada para quem tem interesse em “macarrão instantâneo”. Nesta imagem, você vê os dados da pesquisa direcionada para o Brasil.

Dados demográficos no Audience Insights
Aumento no percentual de mulheres, em uma faixa etária bem expressiva. Além disso, percentual alto de pessoas com cargos em “Serviços jurídicos”.

Informação: ao passar o mouse sobre cada item, uma caixa de texto mostrará a comparação entre a sua segmentação e os dados gerais (sem segmentação) do país que você selecionou. Além disso, você poderá clicar em cada item pra escolhê-lo e segmentar mais ainda a pesquisa.

4) Curtidas na página

Sempre que quiser conhecer o seu público, esta seção será o divisor de águas. Pois mesmo que você saiba qual é o público-alvo do seu negócio, é aqui que você irá conhecer seus hábitos, interesses, páginas que curte, temas que a ele são interessantes. A seção está dividida em duas partes:

  • Principais categorias: por ordem de maior interesse, ali estão as categorias das páginas mais curtidas. Neste caso, pode-se identificar níveis de interesse paralelos a sua busca que darão um norte. No caso do nosso exemplo, a primeira ocorrência seria óbvia. Porém, logo abaixo temos uma valiosa informação: a segunda categoria mais curtida é “Blog Pessoal”, que tem como maior ocorrência a página “TPM, pra que te quero”.
  • Curtidas na página: lista de páginas mais curtidas, que podem ser ordenadas segundo três critérios: relevância (métrica do Facebook que avalia o grau de afinidade do seu público em relação à página), público (número absoluto de curtidas) e Facebook (número de pessoas ativas mensalmente para a página. Sempre opte pelo critério de relevância, pois ele mostrará efetivamente o que deve ser levado em consideração para o seu negócio.

Somente com essas duas seções, já confirmamos que a grande maioria deste público é feminino e efetivamente consome temas femininos, como a TPM. Além disso, outra página que apareceu nas ocorrências foi relacionada a receitas. Já pintou uma ideia pra propaganda da Nissin, com receitas de macarrão instantâneo para se fazer durante a TPM??

5) Localizações

Está página se divide entre três listas: cidades, países e idiomas. Naturalmente, uma pesquisa segmentada para o Brasil, como esta que estamos usando de exemplo, não aponta nenhuma informação relevante em relação a países e idiomas, então vamos focar nas cidades.

Lado a lado, as duas opções de listagem das cidades, no Audience Insights.
Lado a lado, as duas opções de listagem das cidades, no Audience Insights.

Note que, na imagem, mostramos dois critérios diferentes para listar as cidades com mais ocorrência. À esquerda, números absolutos, com maior destaque naturalmente para São Paulo e Rio de Janeiro. Porém, ali já percebemos em 3º lugar uma cidade bem menor, localizada em Minas Gerais: Araguari. Pois quando listamos pelo critério “Comparar”, Araguari dispara na liderança. Isto porque o Facebook considera a relação entre o número de habitantes da cidade e a probabilidade desta população estar incluída nesta segmentação (neste caso, 1900%).

6) Atividade

Por último, mas não menos importante, chegamos até a atividade digital. Se você lembrar, falamos lá no início do post sobre o que o Facebook considera como usuários ativos. Então, a base para a pesquisa está nos últimos 30 dias de atividade. E aqui, esta atividade está subdividida em duas seções.

Destaque para a probabilidade alta desta público clicar em anúncios.
Destaque para a probabilidade alta desta público clicar em anúncios.
  • Frequência de atividades: separa a média de ações dos usuários para páginas curtidas, comentários, publicações curtidas, publicações compartilhadas, promoções resgatadas e anúncios clicados. Perceba que em todos os itens, os números deste público (barra AZUL) superam os números gerais dos usuários do Facebook no Brasil (barra CINZA). Mais que isso, há a informação de que esse público, em média, tem a tendência de clicar em anúncios DUAS vezes maior em relação a usuários comuns.
  • Usuários de dispositivos: separa a atividade dos usuários de acordo com o tipo de dispositivo (apenas desktop, apenas celular ou ambos) e com o sistema operacional (os principais são computador, iphone, ipad, Android e internet móvel)

Análise, métricas e criação de público

Após passar por todas as seções e páginas do Audience Insights, você já viu que há muito a ser explorado dentro das informações que o Facebook nos oferece. Sendo assim, este é o caminho natural para quem quer entender seu consumidor e criar novos públicos para suas campanhas de tráfego pago, objetivo máximo da plataforma com essa ferramenta.

Crie seus próprios público diretamente da ferramenta Audience Insights
Crie seus próprios público diretamente da ferramenta Audience Insights.

A partir de toda pesquisa feita, o usuário já pode criar um público novo, salvar sobre outro antigo e abrir um público salvo para ser editado. Além disso, se quiser já pode até criar um novo anúncio, já partindo direto da definição deste público. Não recomendamos partir diretamente pro anúncio, porque o Facebook demora um tempo até preencher um público. Mas que pode fazer, pode 🙂


Resumo
  • A definição de público-alvo é uma das principais etapas de um Planejamento de Marketing;
  • O Facebook Audience Insights é uma poderosa ferramenta para encontrar e definir este público-alvo;
  • Explore a ferramenta para extrair tudo que ela pode te oferecer;
  • Crie públicos específicos para cada tipo de produto ou serviço do seu negócio, qualificando suas campanhas de tráfego pago;

Se você acha que isso tudo faz sentido para o seu negócio e quer saber um pouco mais sobre como colocar em prática, estamos por aqui, viu! É bem fácil: chama a Gama e bóra tomar um café!

Share on whatsapp
Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter

© Todos os direitos reservados. Desenvolvido com criatividade